Introducing D&D

Aventura nº2 : Em busca de Blugai

Os Aventureiros partem da Vila de Raganas, atrás de Blugai, que lhes prometeu 250 moedas de ouro a cada um, em troca da Espada do Paladino Rikkard Mandravos.
Seguem a estrada que dá até á capital, onde veem carroças destruídas e cavalos mortos. Sinal certo de bandidos.
Quatro humanos estavam perto das carroças, um deles, estava a cavalo. Quando os aventureiros se aproximaram, Alexis detectou no humano que estava a cavalo uma tremenda aura de maldade e prontificou-se a purgá-la deste mundo. no entanto, o humano, que já tinha descido do cavalo mostrou-se hábil a manejar o seu florete, que segundo este tinha o nome de Rosa. Identificou-se como Alton, o líder dos Falcões de Prata.Alton.jpg

Alton conseguiu facilmente desviar-se dos ataques do Paladino, Alexis e decidiu após tantas outras defesas que seria inútil continuar esta luta, portanto voltou ao seu cavalo e ordenou aos seus homens que tratassem dos dois aventureiros, que conseguiram dominar os restantes homens, que entretanto fugiram.

Antes de fugir, Alton disse “Se querem ver o Mestre d’Armas vivo venham á Capital, depois sigam a estrada a Nordeste ah. tragam 500 moedas de ouro.”. Os dois aventureiros voltaram ao caminho e após algumas horas montaram acampamento. Foi uma noite quieta e sem incidentes. De manhã, o aventureiros voltaram ao caminho, e por volta das dez da manhã, chegaram á Vila de FrenCastelo, uma vila de artesãos meia légua antes da capital, Almurin.

Ao chegarem a FrenCastelo, uma mulher identificou os dois companheiros como possíveis aventureiros e pediu-lhes que salvassem a sua filha, que tinha sido levada por um homem com casaco de couro comprido, Chapéu de aba larga com uma pena Laranja. que os companheiros identificaram como Alton, o Bandido que eles encontraram, mas deveriam primeiro reportar à guilda dos mestres d’armas.

Foram recebidos por alguém que não parecia nem um pouco surpreso ou preocupado com o desaparecimento de Blugai. Os companheiros decidiram procurar com as pistas que já tinham. A caminho de volta a FrenCastelo, perguntaram aleatóriamente e um homem disse que tinha visto alguém com a descriçao de Blugai numa carroça-jaula a ir para nordeste, a mesma indicação que Alton tinha dado aos companheiros…

Decidiram comprar cavalos. Alexis adiantou-se e comprou um cavalo típicamente classificado como " Cavalo de Guerra", e Paj comprou um simples cavalo amansado. alexis pediu também a um armeiro que lhe fizesse uma “armadura de montada”.
War_Horse_by_BenWootten.jpg after_Brandt1_sketch.jpg

Após várias horas de caminho, os Aventureiros prenderam os cavalos numa árvore perto do que vieram a descobrir ser uma antiga e abandonada igreja de Kord, o Deus dos atletas e guerreiros. entraram na igreja e puderam ver uma magnânime estátua mostrando Kord a segurar uma espada bastarda, com um cinto e um helmo flamejante. Paj achou estranho os objectos, espada, cinto e helmo não serem feitos de pedra, e subiu á estátua e tentou retira-los, pelo que foi bem sucedido. ao retirar a espada, o cinto e o helmo, os objectos diminuíram o tamanho para poderem ser utilizados por Paj, que os pôs na sua mochila.

Após procurarem á volta da nave da igreja encontraram várias portas secretas, uma delas dava para a sala do sino, onde encontraram um medalhão com a marca de Kord. a outra porta dava acesso a outra parte da igreja, onde encontraram os quartos comuns dos clérigos e o quarto do Alto-Preste de Kord. após utilizando a tactica anteriormente descoberta, utilizando o medalhão com a marca de Kord, abriram mais uma porta, que deu para um salão ricamente decorado com armas e tapeçarias a mostrar as façanhas de Kord. Mas também havia algo estranho nesta sala. Um portal para outro espaço, oval e com “chamas” negras e rúbeas á sua volta mostrava uma ampla sala com a Marca de Kord no chão.

Os aventureiros entraram no portal e chegaram á sala mostrada no portal. Lá dentro encontraram nada mais do que Alton e os Falcões de Prata. Atados perto de Alton estavam Blugai Arucav, o mestre d’armas e uma rapariga, que deduziram ser a filha da senhora que lhes pedira ajuda.

Alton perscutou-os com um olhar de pura maldade, um combate épico ia ter lugar na arena do Deus dos guerreiros. coincidência? Talvez sim, talvez não…

Comments

DavidClaudino

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.